Geração millenials: como se comunicar por e-mail com a geração Z?

O seu negócio tem como foco o público na faixa dos 20 aos 34 anos? Se a sua resposta foi positiva, você precisa saber como se comunicar melhor com a geração millenials. O primeiro aspecto a ser considerado é que estamos falando de pessoas que têm mais familiaridade com a tecnologia. Afinal, elas foram diretamente impactadas por esse ambiente de transformação digital ainda na infância.

É uma situação bem diferente, por exemplo, da geração X. O grupo que nasceu entre 1960 e 1970 foi obrigado a se adaptar às mudanças e correr atrás do prejuízo para não se sentir ultrapassado. 

O fato de os millenials liderarem melhor com as plataformas digitais é um diferencial para quem pretende se comunicar com esse público. Porém, há outros aspectos que precisam ser considerados, como a sua independência e a aversão pelos aspectos mais “tradicionais” da nossa sociedade.

Interessado em entender melhor o comportamento dessa geração? Então, continue a leitura deste artigo, porque reunimos alguns dados bem interessantes sobre esse grupo de consumidores.

O que caracteriza a geração millenials?

Por ser a primeira geração impactada diretamente pelas transformações tecnológicas, os millenials têm sido alvo de diversos estudos nos últimos anos.

Isso é bom, porque significa que temos mais informações sobre o seu comportamento. Vejamos algumas das características importantes em relação à forma como consomem:

  • São mais conscientes

Nativo digital, esse público sabe aproveitar os recursos da internet para obter mais informações sobre produtos e serviços do seu interesse. No dia a dia, isso significa que também são mais exigentes e querem uma participação mais ativa no processo de compra.

Para isso, sabem e vão usar todos os recursos disponíveis. Para esse grupo, não há muita diferença entre ambiente virtual e físico, daí a importância da abordagem multicanal. No e-commerce, eles são aqueles que vão entrar em contato por diversos canais, e querem que a loja saiba com quem está falando e tenha tudo devidamente registrado no sistema. Daí a importância do smartphone, usado o tempo inteiro e para todas as atividades. Portanto, nem pense em ter um site que não seja responsivo!

  • Focam no conforto

Menos ligada à questão da “posse”, a geração millenials valoriza o conforto e o bem-estar. Já ouviu a expressão Carpe Diem? Ela tem origem do latim e pode ser traduzida como “aproveite o momento”. É uma característica que se encaixa bem com o nosso público, que não gosta de nada muito complicado e valoriza bastante o presente.

Na comunicação, isso significa que os millenials não têm muita paciência. Se o site da loja não abrir rapidamente, certamente vão procurar outra alternativa — e dificilmente darão outra chance para aquela loja.

Afinal, eles sabem que têm outras opções e não têm problema algum de correr para a concorrência, abandonando o serviço que não conseguiu atender à sua demanda na velocidade esperada.

  • Valorizam a saúde

Talvez pelo fato de ter mais informações, essa geração tem gostos peculiares. Na alimentação, por exemplo, muitos rejeitam o fast-food, preferindo opções mais saudáveis, e têm cobrado posturas mais sustentáveis das empresas.

Veja que temos aí questões importantes nas relações de consumo, uma vez que isso significa que as marcas precisam estar mais atentas à forma como se apresentam e constroem o seu posicionamento no mercado.

Não é raro que essa geração se engaje entorno de uma marca em função dos seus propósitos, porém, o contrário também acontece: pode boicotá-la porque não aprova determinada atitude. E, claro, sabe usar as redes sociais para fazer com que essa mensagem seja passada adiante.

Essa é outra característica bem peculiar desse público: gostam e sabem compartilhar informações, não fazendo muita diferenciação entre o público e o privado. Nasceram nesse ambiente digital e estão muito mais acostumados com ele.

Está gostando? Cadastre-se para receber mais postagens legais como esta!
Receba por e-mail atualizações do blog, novidades e ofertas.

Como se conectar com a geração millenials?

Na hora de se comunicar com esse público, é importante ter em mente as questões sobre o seu comportamento. Elas determinam, por exemplo, que precisamos ser mais verdadeiros. Nada de cair na armadilha de preparar um discurso publicitário que não combine com a prática da sua loja.

Ainda pensando no que vai funcionar melhor com os millenials, lembre-se da importância dos recursos digitais. Esse público é multicanal, portanto, nem pensar em limitar a forma como ele pode se conectar com a sua empresa. No caso específico do uso dos e-mails, preste atenção nessas dicas:

  • Mostre o que você espera dela

Se estamos nos referindo a um público que tem mais informações e sabe lidar com a tecnologia, não tenha receio de ir direto ao assunto. Explique porque enviou tal mensagem e o que pretende com ela.

  • Não seja afobado

Para esses nativos digitais, relevância é um conceito-chave. Portanto, certifique-se de que reuniu informações precisas sobre as suas preferências e use os dados para fazer ofertas personalizadas. O e-mail faz parte do dia a dia dessa geração, mas eles são criteriosos. Um estudo realizado pela Adobe comprovou isso, chamando atenção para a necessidade de personalizar as mensagens e de planejá-las bem, para não exagerar no volume.

  • Use uma linguagem informal

Em várias áreas, a geração millenials tem uma postura mais informal. Ela tem, por exemplo, uma relação diferente com a família e também no trabalho, justamente porque não está muito ligada aos valores tradicionais.

Levando isso em consideração, não tenha receio no momento de formatar as mensagens. Use uma linguagem mais informal — o que vai ajudar a estabelecer uma proximidade maior com o público.

Informação vale mais do que promoção. Pense nisso ao se relacionar com esses jovens. A apresentação de dados mais precisos pode ter mais força na hora da conversão do que a mensagem apelativa.

Entender melhor o comportamento da geração millenials é um desafio para os gestores de qualquer negócio, independentemente do seu porte. Há muita informação disponível, então, certifique-se de saber qual é a melhor forma de posicionar o seu produto ou serviço perante esse público — e fidelizá-lo.

Gostou do artigo? Ajudou a esclarecer como é importante desenvolver ações de comunicação personalizadas para cada geração? Quer saber mais sobre como direcionar melhor as suas estratégias? Então, leia nosso artigo sobre a decisão de compra do internauta.

Avalie este artigo:
Geração millenials: como se comunicar por e-mail com a geração Z?
5 (100%) 1 voto

ATUALIZAÇÕES GRÁTIS

Cadastre-se abaixo para receber no seu e-mail artigos legais como este!

Gostou? Compartilhe:

Deixe seu comentário!

Atendimento online