Afinal, o que é Mobile first design? Entenda aqui!

//Afinal, o que é Mobile first design? Entenda aqui!

Afinal, o que é Mobile first design? Entenda aqui!

Ao criar soluções para a web, você precisa estar sempre por dentro das expectativas e necessidades dos seus usuários. Em qualquer área de atuação, é essencial que você consiga entregar um produto de qualidade que não cause frustrações ao público. Essa é uma das premissas do mobile first design.

Trata-se de um tipo de iniciativa voltada para garantir que a sua interface funcione adequadamente em dispositivos móveis ao torná-los prioridade no desenvolvimento e na manutenção da sua estrutura. Não basta pensar neles como algo extra ou opcional, e sim como meio primário de acesso aos seus serviços.

Em todas as áreas, é necessário dar o devido valor ao mobile. O acesso à Internet a partir desses aparelhos já é maioria no Brasil e no mundo, ultrapassando os computadores tradicionais. Ao considerar somente o design para desktop, você vai alienar uma fatia gigantesca de audiência que poderia se interessar por seus produtos e serviços.

O que é mobile first design?

Durante muito tempo, o design era pensado exclusivamente para computadores. Com o início da popularização dos dispositivos móveis, passamos a nos preocupar com adaptações direcionadas às condições particulares desses aparelhos. Ainda assim, eram versões secundárias. Afinal, todas as atenções permaneciam voltadas à manutenção da interface para desktop.

No entanto, a evolução da tecnologia e os hábitos do público forçaram diversas mudanças nesse cenário. Hoje em dia, não é suficiente criar uma versão mobile do seu site. É necessário enxergá-la como a principal. Essa é a premissa por trás do mobile first design, conforme o nome diz: planejar o layout mobile primeiro e, depois, o resto.

Na prática, o mobile first design envolve criar recursos primariamente para serem acessados em dispositivos móveis que também podem ser consumidos via outros aparelhos, como computadores. Nenhuma função ou elemento deve ser sacrificado nesse processo, já que o intuito é entregar mais valor ao seu visitante.

Por que o mobile first design é importante?

O intuito principal do mobile first design é oferecer uma experiência superior aos seus usuários. Eles, em contrapartida, estarão mais propícios a fechar negócio com você. Afinal, conseguirão utilizar as suas soluções e não terão problemas nesse caminho. Para ter sucesso, você precisa sempre facilitar o contato das pessoas com o seu produto.

Além disso, conforme a concorrência aumenta, o público vai ganhando cada vez mais opções para escolher em diversos mercados. Se alguém tem uma experiência ruim ao lidar com a sua interface online, ela pode seguir para outra alternativa melhor e não voltar mais. Você precisa estar sempre em alinhamento com as expectativas do seu público-alvo.

Pensar em mobile first design significa entender que o cenário tecnológico está bastante diferente daquele de 10 anos atrás. Ao deixar o desenvolvimento para dispositivos móveis em segundo plano, você vai ignorar uma realidade presente em vários setores e afastará potenciais clientes.

Como aplicar o mobile first design?

O mobile first design pode trazer diversos benefícios para os seus negócios. Basta saber as melhores formas de implementar essa ideia em suas interfaces. Trata-se de algo que requer bastante cuidado e um entendimento aprofundado a respeito de design. Conte com uma equipe qualificada para ajudar você nesse processo.

Veja os principais passos para seguir ao aplicar o mobile first design:

Entenda o perfil do seu público

O objetivo dessa iniciativa é se adaptar às necessidades da sua audiência. Então, faz todo o sentido se preocupar em acumular informações estratégicas sobre o perfil dessas pessoas antes de implementar a sua estratégia. Busque saber que tipo de aparelho costumam usar mais, em quais horários e em que condições. Esses dados serão valiosos para que você consiga priorizar adequadamente cada etapa do seu plano.

Simplifique seus processos

Interfaces grandes e complicadas nunca foram intuitivas e devem ser substituídas por versões que realmente fazem sentido para seu público-alvo. Pensar em mobile first design também envolve simplificar os processos que o seu usuário realizará, facilitando o acesso e o entendimento de suas funções. Além de aumentar a satisfação dessas pessoas, tal iniciativa poderá garantir melhores retornos de vendas a você.

Obtenha referências de qualidade

Você e sua equipe não precisam criar tudo do zero ao aplicar o mobile first design. Fique de olho em projetos semelhantes para captar referências que possam ser reaproveitadas em seu próprio projeto. Não se trata de copiar o que os outros fizeram, mas sim de aprender com o que deu certo para evitar erros da sua parte.

Tenha boas ferramentas para realizar testes

Por mais esforço que você e sua equipe dediquem à criação de interfaces em mobile first design, é sempre valioso contar com ferramentas de qualidade para fazer testes. Elas precisam representar a realidade do seu público-alvo e prever a maioria das situações envolvidas no acesso às suas soluções. Somente assim será possível entregar uma experiência verdadeiramente positiva aos seus usuários.

Quais as diferenças entre mobile first design, responsivo e defensivo?

Falar sobre mobile envolve considerar uma série de conceitos referentes à atuação com esse tipo de aparelho. Até aqui, você provavelmente já entendeu o que é mobile first design e os principais motivos para implementá-lo em suas soluções. Mas, já se perguntou sobre qual é a diferença dele para o design responsivo? E defensivo?

O design responsivo ainda é bastante popular e consiste no oposto do mobile first. Nele, um layout é pensado primariamente para desktop para ter mecanismos configurados para se adaptar caso exista a necessidade de abrir em um aparelho móvel. Alguns elementos são rearranjados ou suprimidos em favor da usabilidade e navegação.

Já o design defensivo envolve orientar as suas decisões baseando-se em possíveis erros que o usuário pode cometer. Então, o intuito principal é antecipar esses problemas e implementar soluções nas suas interfaces que os previnam. Por exemplo, campos de formulários com listas de opções, mensagens de erros fáceis de entender, página de erro 404 com orientações e links úteis, um FAQ sobre seus serviços, entre outros.

Tudo pronto para começar a focar em mobile first design?

O mobile first design é uma tendência forte que precisa ser introduzida no dia a dia da sua empresa. Todas as suas interfaces precisam levar em conta as mudanças pelas quais a tecnologia e o comportamento do consumidor passaram nos últimos anos. É necessário saber se adaptar para permanecer relevante na sua área de atuação.

Deixe de pensar no dispositivo móvel como algo secundário. Ele tem tudo para se tornar o principal direcionador de negócios para você, é só se dedicar a uma realidade de mobile first design em suas iniciativas. Basta acompanhar os seus resultados para comprovar a eficácia dessa decisão.

Curtiu essas informações? Então, compartilhe o nosso post nas suas redes sociais!

2019-02-22T11:37:31+00:00By |Mobile|0 Comentários

Sobre o Autor:

Analista de Sistemas formado pelo ISES, especialista em E-mail Marketing e criação de templates para e-mail. Criador e mantenedor do blog sobre e-mail marketing (www.emailmarketing.eti.br).

Deixar Um Comentário

Atendimento online