Como contornar os principais problemas de e-mail marketing?

//Como contornar os principais problemas de e-mail marketing?

Como contornar os principais problemas de e-mail marketing?

Imagine se a sua estratégia de e-mail marketing fosse um jogo. À sua frente, três botões: conversões, ser ignorado na caixa de entrada ou denúncia por SPAM. Com certeza, toda empresa escolheria a primeira alternativa, que é a única capaz de promover o crescimento do negócio, certo?

Como você sabe, esses três botões não existem. O que acontece, na prática, é que as ações de quem conduz a estratégia é que podem levar a esses três resultados. Alguns erros clássicos do e-mail marketing comprometem inevitavelmente o resultado das campanhas, levando ao trágico “game over” do mundo digital.

Quer descobrir quais são os erros e como evitá-los? Então, chegou ao post certo! Hoje nós vamos falar sobre os principais problemas do e-mail marketing. Portanto, não perca esta leitura e saiba como contorná-los para garantir o sucesso da sua estratégia.

Obstáculos que interferem no sucesso do e-mail marketing

Em primeiro lugar, vale a pena lembrar que o e-mail marketing é o método mais efetivo para gerar conversões no mundo digital. Porém, essa efetividade depende de alguns fatores que nós monitoramos em todas as etapas da Jornada de Sucesso, e que levam nossos clientes a resultados extraordinários.  

Entre o disparo do seu e-mail e a compra realizada pelo cliente (ou outro objetivo), podemos dizer que sua mensagem precisa desviar de alguns obstáculos. Para vencê-los, é necessário:

  1. desviar de destinatários sem perfil para a compra do produto ou sem interesse nele;
  2. escapar dos filtros de SPAM;
  3. não cair no limbo dos e-mails não abertos na caixa de entrada;
  4. garantir que o usuário não peça o descadastramento ou, ainda pior, marque o e-mail como SPAM;
  5. criar um magnetismo irresistível que leve o lead a clicar no link oferecido.  

Erros em qualquer etapa do processo podem fazer o e-mail cair nessa “malha fina”. Para evitá-los, é essencial monitorar o desempenho das campanhas e usar os dados para estabelecer as melhores estratégias para atingir o seu cliente.

Como garantir o sucesso do e-mail marketing

Diante desse quadro, o que uma empresa pode fazer para garantir o sucesso de sua estratégia de e-mail marketing? Vamos responder essa pergunta com a ajuda dos especialistas da @MediaPost.

Em primeiro lugar, o foco das ações é o cliente. Por isso, em cada etapa da jornada os dados precisam ser analisados para desenhar uma estratégia mais personalizada e humanizada, compatível com o que o lead demonstra que deseja.

As interações revelam quais são os dias em que ele está mais propenso a abrir as mensagens, os conteúdos que ele prefere, o tom da comunicação (formal ou informal) que produz melhores resultados. Esses comportamentos mostram a melhor forma de se relacionar com o lead.

Além disso, ao longo da jornada esse conhecimento aumenta, permitindo o aprimoramento da estratégia e do relacionamento. É preciso respeitar o tempo de interação típico daquela pessoa e estabelecer um cronograma que atenda suas necessidades.

Assim, a empresa não corre o risco de encher a caixa de e-mail do lead, incentivando-o a pedir o descadastramento. Da mesma forma, ela não passa um longo tempo sem dar notícias, caindo no esquecimento.

Erros que comprometem a estratégia de e-mail marketing

Mesmo com todo esse cuidado, alguns erros comuns podem comprometer o sucesso da estratégia. Saber quais são é o primeiro passo para corrigi-los e obter bons resultados. Então, confira nossa seleção!

1. Reputação do remetente

Esse problema pode acontecer por diversas razões, sendo que a mais comum é o início recente de uma estratégia. A empresa manda seus e-mails mas, como ela não fazia isso antes, seu nome não é considerado relevante na caixa de entrada do cliente.

Também existem questões técnicas que prejudicam a reputação do remetente. A falta de configurações de domínio e um IP dedicado estão entre elas. Quando a empresa usa um endereço aberto (@gmail, @hotmail), sua credibilidade fica prejudicada.  Por isso, é importante construir a sua estratégia com o apoio e a orientação de especialistas.

2. Perfil incompatível

Muitas empresas ainda não criaram uma estratégia digital sólida. Não existe um mecanismo para captar seguidores e elas acabam tentando fazer e-mail marketing por meio de listas de contatos compradas.

Quando a lista é composta por pessoas aleatórias, que não demonstraram qualquer interesse no produto ou serviço, a tática fracassa. Esses contatos se sentem invadidos com esse tipo de e-mail e costumam marcá-los como SPAM podendo gerar bloqueio juntos aos servidores.

O ideal é trabalhar sempre com leads, com contatos que fizeram um cadastro no seu site ou assinaram sua newsletter, por exemplo. Eles já afirmaram que querem informações e estão abertos a um relacionamento com a sua empresa.

3. Conteúdo irrelevante

A verdade cruel do mercado é que as pessoas não estão interessadas no seu negócio. Elas só querem saber do que traz algum tipo de benefício a elas, que as ajude a solucionar seus problemas. Portanto, o conteúdo do e-mail marketing precisa ser centralizado na persona. Ofereça informações que ela considera relevantes, baseadas em um estudo do que o mercado pede. Se uma empresa estabelece seu e-mail marketing apenas em notícias a respeito de si mesma ou de promoções, suas chances de cair no SPAM ou ter um alto índice de descadastramento são enormes.

4. Erros na gestão de envios

Algumas empresas simplesmente não têm uma estratégias de gestão de envios. Elas disparam um e-mail “quando dá” ou quando realizam promoções. Isso pode causar diversos problemas. Em primeiro lugar, se o foco está apenas nas promoções, o lead pode achar que as mensagens são irrelevantes e optar pelo descadastramento.

Se ele vê sua caixa entupida com e-mails que chegam a toda hora, o final é o mesmo. Portanto, a gestão de envios é essencial para alcançar o equilíbrio e abordar o lead no momento em que ele está mais receptivo à sua mensagem.

5. Assunto incompleto ou desinteressante

O assunto do e-mail é a chave para despertar o interesse do lead e levá-lo à abertura da mensagem. Deixá-lo em branco ou criar um título pouco atraente é desperdiçar uma grande oportunidade.

Como evitar os erros do e-mail marketing

Além da atenção a detalhes, é essencial que a empresa tenha dados para analisar. Eles apontam quais são as ações mais efetivas para atingir o seu público-alvo e mostram o que precisa ser corrigido para evitar o fracasso das campanhas.

A verdade é que, apesar de efetiva, uma estratégia campeã de e-mail marketing é extremamente técnica. Ela precisa de conhecimentos e recursos tecnológicos. Um exemplo é o sistema que permite identificar se os endereços de sua lista são válidos e a automação dos envios.

Por isso, a @MediaPost desenvolveu a Jornada de Sucesso. Em cada uma das etapas fazemos todo o diagnóstico para detectar problemas, elaboramos uma estratégia junto à empresa, oferecemos tudo que ela precisa para enviar um conteúdo épico aos leads, coordenamos a gestão de envios e analisamos dados.

Dessa forma, é possível otimizar todas as etapas do processo, conhecer profundamente seu público-alvo e enviar a mensagem na certa na hora exata para obter a melhor performance e arrasar nas conversões.

Quer obter esses resultados no seu negócio? Então, chega de teoria! Converse com os nossos especialistas agora mesmo e descubra como a @MediaPost pode criar uma estratégia personalizada para sua empresa!

2019-02-21T15:52:59+00:00By |Dicas e truques|0 Comentários

Sobre o Autor:

Analista de Sistemas formado pelo ISES, especialista em E-mail Marketing e criação de templates para e-mail. Criador e mantenedor do blog sobre e-mail marketing (www.emailmarketing.eti.br).

Deixar Um Comentário

Atendimento online