Como melhorar a taxa de conversão de uma campanha?

/, Resultados/Como melhorar a taxa de conversão de uma campanha?
  • como melhorar a taxa de conversao por e-mail marketing

Como melhorar a taxa de conversão de uma campanha?

Trabalhar muito e ainda sim não saber como fazer uma boa estratégia de e-mail marketing para ter uma boa taxa de conversão, é algo que muitos empresários ainda fazem e “quebram a cabeça”. Alguns casos muito comuns que contribuem para isso é a falta de conhecimento estratégico e tático para enviar uma campanha que resultará em bons resultados, vendas ou conversão.

Você que já faz campanhas de e-mail marketing e teve uma taxa de conversão muito baixa, com poucas aberturas, cliques e vendas e quer descobrir como você pode mudar isso? Conheça 7 maneiras de transformar o cenário de suas campanhas e a visão deturpada sobre o uso de e-mail marketing em seu negócio.

1. Lista de contatos

É de suma importância que a sua lista de contatos seja de pessoas que solicitaram o recebimento da mensagem, seja por um cadastro feito em seu site para receber algum benefício, conteúdo, ou mesmo através do registro em sua loja física, feira e/ou evento. Esse tipo de ação é chamada de optin.

A compra de lista de contatos pode trazer à sua empresa mais prejuízos do que resultados positivos, e quando você envia mensagens de e-mail marketing para contatos que não desejam receber, isso pode prejudicar a reputação dos seus envios e consequentemente a sua empresa poderá ser classificada como Spammer, o que dificultará a boa taxa de conversão.

Para o e-mail marketing funcionar por muito tempo, foque no “menos”.

Ainda que sua lista de e-mails seja pequena, é melhor trabalhá-la com carinho e assim vender sempre, do que querer o resultado em apenas no 1° mês.

banco de dados para email marketing

2. Cadastros cancelados

Respeite as pessoas que não querem receber a sua mensagem. A opção de descadastramento deve estar visível para mostrar credibilidade e respeito à privacidade da pessoa. Entender o motivo das pessoas solicitarem o cancelamento da sua lista também é essencial e quando isso acontecer, aproveite para questionar o motivo. É simples e os resultados podem ser usados para melhorar cada vez mais as suas campanhas.

3. Segmente a sua lista de contatos

Para conseguir aproveitar todas as vantagens que uma ferramenta de e-mail marketing tem a oferecer, você precisa entender como ela funciona. A segmentação da lista de contatos é uma das maneiras mais eficientes, pois desenvolver estratégias direcionadas e enviá-las de acordo com as características de cada grupo com certeza trará uma interação mais certeira.

Lotar a caixa do destinatário com e-mails aleatórios só irá reduzir o interesse pela empresa, e além disso, poderá aumentar o número de cancelamentos (descadastramentos) em sua lista, o que irá afetar sua taxa de conversão.

Lembre-se que as pessoas possuem interesses diferentes, portanto, saber e respeitar o que mais agrada cada um dos seus contatos deve ser levado em conta para que a interação seja boa para ambos.

4. Layout da mensagem

O formato ideal para enviar as suas peças através de uma ferramenta de e-mail marketing é o código HTML, com imagens e textos, e é importante ainda que a mensagem não seja muito grande, pois isso aumenta a chance da mensagem cair no spam.

Os famosos botões de interação, ou seja, os chamados CTA (chamada para uma ação) são o grande destaque na mensagem. Posicione-o de uma forma que o destinatário não precise rolar muito a tela para chegar até ele.

como usar imagem no email marketing

5.  Assunto

O assunto deve estimular o cliente a abrir a mensagem. Evite enviar sempre o mesmo assunto em suas mensagens, crie versões diferentes, utilizando de testes A/B para saber qual traz mais resultado de abertura a sua mensagem de e-mail marketing. Às vezes uma palavra poderá mudar tudo e isso será ótimo para o aumento das taxas de conversão (aberturas) das suas mensagens. Para saber como fazer assuntos infalíveis, confira esse post.

6. Personalize a sua mensagem

Um dos melhores benefícios em se fazer e-mail marketing é criar um relacionamento com o destinatário, e para isso, é preciso saber com quem você está falando, por isso, é importante que em sua lista de contatos tenha o nome de cada destinatário, com isso você poderá enviar mensagens personalizadas e mostrar ao cliente que você sabe quem ele é. O destinatário se sentirá acolhido como se você estivesse falando apenas com ele.

7. Acompanhe os relatórios

Os resultados mostram a data e a hora de abertura e por qual dispositivo o cliente consegue visualizar a mensagem, qual é o provedor de e-mail, o motivo pelo qual ele está se descadastrando da sua lista e o melhor, que é saber quem tem interesse em abrir e clicar na sua mensagem de e-mail marketing.

Entendendo como foi o desempenho da sua mensagem, você poderá criar estratégias melhores para futuras campanhas. O e-mail marketing é um ótimo recurso para atrair a atenção do seu cliente e criar um relacionamento com eles.

Mas, para ter resultado, é necessário criar estratégias, conhecer o seu público, e enviar para quem deseja receber a sua mensagem. Só assim você conseguirá melhorar as suas taxas de conversão, sem se prejudicar com isso.


Sobre o Autor:

Formado em Marketing e pós-graduado em Comunicação Empresarial, é especialista em performance de Marketing Digital com foco em e-mail marketing.

Deixar Um Comentário

Atendimento online