11 Formas de Fazer Email Marketing Eficiente Que Dão Certo

//11 Formas de Fazer Email Marketing Eficiente Que Dão Certo

11 Formas de Fazer Email Marketing Eficiente Que Dão Certo

Fazer um email marketing eficiente está em criar uma boa comunicação e personalização de campanha, para conquistar uma alta taxa de retorno através de mecanismos efetivos e ações de qualidade. Sem essas duas situações, fica um pouco difícil alcançar o objetivo até porque quando se trata de email marketing eficiente, tudo é uma questão de teste e monitoramento.

Por isso, para você que está começando a manusear e entender mais sobre esse canal, nada mais importante do que seguir o passo a passo corretamente. Abaixo eu listei 11 formas que você pode usar para criar email marketing eficiente que dá certo e obter bons resultados.

Maneiras de criar um email marketing eficiente para começar hoje

1 – Invista na lista de contatos opt-in (autorizada)

Um ERRO comum cometido por muitas empresas de vários segmentos é ter uma lista de contatos comprada. Se as pessoas soubessem o quanto isso prejudica a reputação, elas com certeza não fariam isso.

Segundo Maurício Renner, editor do site de Tecnologia da Informação Baguete, sua empresa já teve 25 mil e-mails em uma lista de contatos que eram totalmente desconhecidos.

“Não fazíamos ideia nem do nome das pessoas que tinham naquela lista.” – Maurício Renner

Você também tem uma lista de contatos e não conhece nem metade das pessoas que estão nela?  Saiba que isso é o que está impedindo você de ter mais resultados e conquistar suas vendas por um email marketing eficiente.

Maurício chegou a dizer que para ele o que importava era a quantidade de contatos que precisava ter para conseguir impactar o maior número de pessoas, mas esqueceu que qualidade nesse caso era o mais importante.

Eu acredito que para impulsionar os resultados por email seguir as boas práticas é o essencial. Vou te contar mais sobre boas práticas logo, logo…

E uma das etapas que faz parte dessa prática é a validação de lista para organizar os contatos e separar os emails que são ativos dos que não são.

No entanto que quando Maurício soube que era preciso fazer isso, ele contratou o serviço de validação da @MediaPost e viu que dos 25 mil somente 8.700 eram, de fato, ativos.

Agora imagina só o prejuízo e o desperdício de campanhas que Maurício teve e só descobriu depois de ter encontrado especialistas que te mostraram o problema? E nada melhor que isso do que falar com quem pode ajudar. Se você também acredita nisso, você está no lugar certo.


2 – Facilite o descadastramento (caso o cliente queira o opt-out)

Você precisa sempre deixar fácil a opção para seu cliente cancelar a assinatura se ele não quiser mais receber suas mensagens.

Principalmente se você tiver listas compradas! Isso é lei e quem segue corretamente não corre o risco de ter problemas no futuro.  Portanto, em todos os e-mails que enviar, disponibilize um link para descadastramento — caso contrário, a sua empresa correrá o risco de ficar associada ao desrespeito e à prática de spam.

3 – Seja assertivo na frequência de envios

Se quer fazer um disparo de email marketing eficiente então seja assertivo na forma como você realiza seus envios. Muitas pessoas acreditam que quanto mais envios fizer, mais chances de impactar o cliente terá. Eu não concordo e você deveria fazer o mesmo…

Pensa bem, você tem uma lista de contatos que não conhece sua marca, seus diferenciais e benefícios, mas mesmo assim você faz diversos disparos…

Sabe qual é a chance dos contatos da sua lista engajar com sua mensagem? Menos de 10% e olhe lá… Por isso, o ideal é realizar envios quinzenais ou no máximo semanais para não gerar uma imagem negativa do seu negócio.

4 – Tenha relevância

Analise os links que seus contatos clicaram para identificar grupos de interesse. Se houver tipos bem distintos, segmente sua lista de contatos, de modo a criar um email marketing eficiente relevante para quem for receber.

5 – Ofereça outros meios de comunicação

Além do e-mail marketing você também pode fazer com que seu contato conheça seu negócio por outros meios de comunicação: telefone, site, redes sociais ou blog, por exemplo.  É ideal que você mantenha esses canais sempre atualizados para que seu contato consiga interagir e também ser nutrido de informações relevantes.

Caso você indique seu site ou blog para ser um outro meio de contato com sua empresa, não se esqueça de colocar formulários de cadastro e também solicitar que ele indique pessoas para conhecer sua empresa.

6 – Pense na estrutura do conteúdo e do layout

Do mesmo jeito que você precisa trabalhar com relevância nos links escolhidos para colocar na mensagem, você também não pode deixar de ser relevante para criar a mensagem e o layout.

Tudo é uma junção. A mensagem, o layout, a lista de contatos, a ferramenta de disparo, o tipo de campanha…

Para te ajudar a entender melhor como fazer uma boa estrutura de conteúdo e layout para seus e-mails, eu sugiro que você siga um checklist para e-mail marketing. Nele, você terá informações preciosas que vão te ajudar com isso e outros detalhes sobre o canal.

7 – Drible o Antispam

Toda mensagem antes de ser liberada pelos provedores são passadas por filtros antispam.

Isso acontece porque algumas palavras são ranqueadas com mecanismos específicos, e caso elas atinjam uma determinada pontuação podem ser reconhecidas como “lixo.”

Com isso, é ideal que antes de enviar efetivamente sua campanha você faça um envio de teste para contatos que têm provedores distintos: Gmail, Hotmail, Uol, Bol, Terra etc… Caso o teste seja aprovado fique tranquilo para enviar a campanha efetiva!

8 – Siga as boas práticas de e-mail marketing

Lembra que no começo eu falei que mais pra frente eu iria te explicar sobre as boas práticas de e-mail marketing? Então, a premissa básica das boas práticas começa quando você entende desde do remetente até a gestão dos envios das campanhas.

Saber fazer disparos se baseando nas boas práticas te ajuda a potencializar suas vendas, o engajamento e a fidelização com os clientes, pois você aprende:

  • quando e como disparar suas campanhas;
  • quais são as palavras consideradas spam;
  • como conseguir uma boa lista de contatos;
  • o que você nunca deve fazer ao enviar um email.

Com isso, as chances de ter um melhor retorno sobre investimento (ROI) e alcançar ótimos resultados são grandes. Quer entrar mais nesse assunto e saber tudo sobre e-mail marketing eficiente? Clique aqui!

9 – Seja objetivo do começo ao fim

Quando fizer o cronograma e o planejamento, o conteúdo e selecionar a lista de contatos para qual irá enviar, não se esqueça da objetividade no assunto.

Imagine que no mesmo momento que você enviar sua mensagem outras empresas também farão isso e se em meio a um monte de “concorrentes” você não criar destaque, seu e-mail será apenas mais um.  Então é por isso que quando criar o assunto você precisa se diferenciar dos demais. Um jeito bom de fazer isso é usando perguntas, listas e a personalização de nome…

Tudo é um questão de segundos para fazer o contato ser impactado e querer abrir seu e-mail. Lembre-se: aqui você precisa ser relevante e criativo.

10 – Prepare campanhas de valor para seus contatos

Não desperdice envios para falar sobre um assunto desinteressante. O intuito aqui é pensar estrategicamente no tipo de mensagem que pode interessar e engajar sua lista de contatos.

Será que para o momento é interessante enviar informativos, promoções, um desconto limitado? Você também pode pensar em criar duas campanhas diferentes para as listas que tiver em sua ferramenta.

Se quer fazer um email marketing eficiente é bom que você planeje a campanha pensando na necessidade do seu contato. Por isso que a segmentação da lista de contatos é importante…

Porque quando você sabe com quem falar torna-se muito mais fácil ajudar oferecendo o seu melhor produto ou serviço com um excelente diferencial.

11 – Mensure cada disparo realizado

Para saber se o envio foi de sucesso é necessário mensurar o resultado. Só assim você será capaz de conhecer o comportamento da sua lista de contatos e saber os interesses e preferências para ações futuras.

Tome as mensurações feitas por empresas de e-mail marketing para incrementar seu negócio. Veja aqui como é o relatório de uma plataforma bastante fácil de manusear e que tem bastantes recursos de análises.

Relatório: resultado de uma campanha de e-mail marketing.

Com a análise feita, você pode inclusive realizar testes, enviando diferentes mensagens para outros grupos e ir testando os resultados.  Aqui eu coloquei resumidamente alguns requisitos para você entender os procedimentos necessários para fazer email marketing eficiente.

Você já investiu em alguma coisa que achava que gastaria dinheiro e na verdade aquele investimento te trouxe um excelente retorno?

Com o e-mail marketing é assim…  Você investe em uma boa ferramenta para trabalhar com ele, e com base nas boas práticas que seguir, você vai percebendo que o resultado aparece e paga o valor investido inicialmente.

Só existe uma pessoa capaz de não garantir isso… Você mesmo! A não ser que você não tenha tempo para fazer o passo a passo. Aí, nesse caso, se o problema for esse, então pode apostar que não será mais um problema.

Pois, você sabia que existem especialistas em email marketing que podem te ajudar a alcançar os melhores resultados para o seu negócio? Se esse for o caminho para que você finalmente saia do lugar e comece a vender mais, você acha que valeria investir?

Então, tudo o que você precisa fazer é falar com um especialista.


2019-06-17T17:16:18+00:00By |Estratégia|0 Comentários

Sobre o Autor:

Sou publicitária e analista de marketing há 2 anos aqui na @MediaPost, tenho especialidade em marketing de conteúdo e atualmente, estou aprimorando minha escrita para me tornar Copywriter PRO. ♥

Deixar Um Comentário

Atendimento online