Saiba por que você deve investir no funil de vendas na Black Friday

//Saiba por que você deve investir no funil de vendas na Black Friday

Saiba por que você deve investir no funil de vendas na Black Friday

A Black Friday está chegando, e é claro que você não vai deixar de fazer uma campanha de e-mail marketing para vender mais, né? Embora tenham algumas reclamações a respeito da época e até apelidos indesejados como: “Black Fraude”, saiba que ao fazer uma boa estratégia você não cairá em uma fraude e não será uma, pois seguindo o passo a passo corretamente terá grandes chances de obter bons resultados.

E pensando em te ajudar nesse processo, criamos uma série de vídeos chamada: Black Friday’s Anatomy”, no intuito de auxiliar você com dicas, sugestões e alguns macetes de como obter mais vendas e performance por e-mail marketing usando o funil de vendas.  Você não pode deixar a peteca cair, por isso, saiba por que e como se preparar a Black Friday 2018 e vender mais.

 ▶ Assista ao 1º Episódio sobre Funil de Vendas agora!

Compensa investir na Black Friday este ano?

No ano de 2017, a Black Friday faturou quase 2 Bilhões de reais e obteve um crescimento de 16%, comparado a 2016. No total foram: 10 milhões de pedidos realizados um aumento de 30,4% de visitantes nas lojas virtuais, que gerou 77% a mais de clientes em sua carteira de novos. Isso só mostra o quanto vale a pena planejar uma campanha para a Black Friday.

Como planejar seu funil de vendas para e-mail marketing?

O funil de vendas ilustra todo o trajeto percorrido pelo consumidor até chegar à compra. Nele, é possível dividir sua estratégia em três etapas, que quando bem estruturadas podem ter êxito ao final.

As etapas do funil de vendas são:

  • Topo  – trata-se do momento que o cliente tem consciência de que precisa resolver um problema, porém não sabe o que fazer e nem como resolvê-lo, por isso realiza pesquisas superficiais para encontrar uma solução. Exemplo:  “João conseguiu tirar as férias tão esperadas em seu trabalho e quer fazer uma viagem para Nova York.”
  • Meio  – é quando o cliente já identificou o seu problema e sabe o que precisa para resolvê-lo, porém não sabe com quem ou onde comprar o que necessita.  Exemplo: “João quer viajar para Nova York, então ele pesquisou vários pacotes em sites de viagens.”
  • Fundo – o cliente já sabe onde conseguir o que necessita para resolver o seu problema. A única coisa que falta é ter aquele estímulo para comprar. Exemplo: “João encontrou um site que oferece um pacote de viagem com 50% de desconto e de brinde um passeio com guia turístico.”

Entendeu como é o processo do funil? A partir dele você consegue previamente trabalhar com as pessoas que encontram-se em cada estágio, a fim de fazê-las chegar ao final e comprarem de você.

Por isso, para não correr contra o tempo, ou querer se comunicar com todo mundo ao mesmo tempo, procure identificar o perfil dessas pessoas e falar com elas antes. Assim, você saberá exatamente qual produto oferecer para atender sua necessidade.

Este é o passo inicial da sua estratégia de funil de vendas para e-mail marketing na Black Friday. Em breve, você receberá mais informações sobre o 2º episódio sobre Marketing de Relacionamento.

Um abraço.

2019-02-08T15:50:12+00:00By |Estratégia|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário

Atendimento online