O que é clickbait e por que pode ser uma estratégia perigosa?

//O que é clickbait e por que pode ser uma estratégia perigosa?

O que é clickbait e por que pode ser uma estratégia perigosa?

Clickbait, como o nome sugere, significa “isca para cliques” e é um jeito mais rápido e fácil de aumentar os seus acessos. Essa prática tem sido utilizada por vários blogs, devido aos seus resultados rápidos. No entanto, precisamos alertá-lo sobre os prejuízos consequentes para médio e longo prazo.

Em tese, é o uso de chamadas ou títulos sensacionalistas, que prometem algo que, geralmente, não é cumprido ao longo do artigo para o qual o usuário é direcionado. Servindo essa chamada, então, como uma isca para atrair pessoas para o seu blog e fisgar o seu acesso.

Se você quer descobrir como ou entender melhor sobre os reflexos da prática do clickbait no seu site, continue lendo este artigo!

O uso do clickbait

Essa é uma forma de atrair cliques para o blog com títulos apelativos ou que superestimam o conteúdo — algo que desperte o interesse e curiosidade. Um exemplo seria você garantir que em seu post há a revelação de uma descoberta incrível, mas, ao longo da publicação, apresentar apenas algumas informações superficiais ou sem nenhum embasamento científico.

O que acontece, na prática, é um alto número de acessos para aquele post. No entanto, como o seu conteúdo não cumpre o que foi prometido e não tem a qualidade que o usuário espera, ele tende a não acessar mais nenhum material além desse para o qual foi atraído.

Além de causar desgaste com os leitores, o seu blog começa a perder a credibilidade. Logo, aquele conteúdo, em um pequeno intervalo, passa a perder a “importância”, assim como todos os outros que você for publicar. Sendo assim, o seu leitor não terá mais uma boa expectativa sobre as suas publicações, por mais atrativas que sejam.

No entanto, ao passo que você produz um material com qualidade, ele tende a ganhar relevância com o passar do tempo, mantendo a sua credibilidade e dando autoridade para a sua marca. Isso estimula o usuário a continuar visitando e acessando mais conteúdos que você publicar. O que significa um resultado crescente com o tempo.

O resultado do clickbait

A performance do clickbait é poderosa e, realmente, funciona se o seu objetivo for adquirir audiência imediata para atrair investidores ou anunciantes. No entanto, essa prática é mal vista no contexto do marketing, porque representa uma experiência ruim aos usuários, além de maquiar resultados.

Esse tipo de estratégia é muito superficial e não abrange aqueles que são clientes em potencial. Afinal, pessoas que têm intenções reais de compra buscam conteúdos de qualidade, sem sensacionalismos. Enquanto o clickbait atinge apenas uma camada superficial de pessoas que estão procurando uma solução, muitas vezes, inexistente ou acessam apenas por curiosidade.

Isso foi identificado pelo Facebook e pelo Google, por exemplo, que tomaram medidas (e as vêm aperfeiçoando) para que nossas timelines não fiquem poluídas por esse tipo de conteúdo. Esse é mais um motivo para que você não use esta prática.

Para isso, ambas fazem a constatação de que se trata de um clickbait por meio do comportamento dos usuários com a postagem. O Facebook, por exemplo, avalia se leram o conteúdo completamente e a proporcionalidade de interações com a quantidade de cliques naquele link. Já o Google penaliza esse tipo de publicação quanto ao seu posicionamento nas páginas de resultado para as buscas (SERP).

A diferença para o marketing de atração

Marketing de atração significa atrair o cliente para o seu conteúdo. Porém, o objetivo dessa estratégia consiste em proporcionar conhecimento, agregar valor para o usuário e resolver um problema. Como resultado, temos o usuário com mais poder de decisão e mais engajado, uma marca com autoridade e um volume cada vez maior de leads qualificados a comprar o seu produto. Outros reflexos podem ser notados na evolução do SEO do seu site, por exemplo.

Em contrapartida, o clickbait não oferece nenhum resultado positivo, além de um aumento repentino de acessos, que tende a cair com o tempo na medida em que o blog perde a sua credibilidade. O que nos permite concluir que é um caminho fácil, mas, ilusório. No final das contas, não vai agregar em vendas, além de trazer prejuízos para a reputação do seu site.

O uso do clickbait para e-mail marketing

As empresas que utilizam o clickbait também o fazem por e-mail marketing, usando assuntos atrativos, que fisgam o clique do cliente, mas essa estratégia é ainda mais perigosa. Na medida em que os clientes se desgastam com assuntos mentirosos ou que prometem algo muito maior do que o conteúdo propõe, tendem a classificar o seu e-mail como spam. Outra ação comum também é solicitarem a retirada de seus e-mails das listas de destinatários.

Essas atitudes fazem com que o seu domínio de e-mail seja mal classificado pelos provedores. Isso, em médio e longo prazo, diminui drasticamente o percentual de entrega de suas campanhas. Sendo assim, elas passam a ser direcionadas automaticamente para as caixas de spam dos clientes.

A fuga do clickbait

Para fugir do clickbait, a primeira regra é fazer conteúdos de qualidade e que sejam úteis. Existem algumas orientações que você precisa seguir para que seu artigo não provoque tal frustração para o cliente. Veja um checklist prático!

  • Seu conteúdo responde a dor do cliente?
  • O artigo responde ao que o título promete?
  • O seu conteúdo tem embasamento?
  • Se o usuário seguir o que está sendo ensinado pelo seu conteúdo, ele obterá êxito?

A armadilha do clickbait

Como pudemos observar, os resultados imediatistas do clickbait podem acabar sendo uma isca para você que deseja aumentar os seus acessos. Na verdade, são uma grande ilusão, porque não são resultados consistentes e duradouros e, ao praticá-lo, seu blog pode ir ao fracasso no que se diz respeito à sua rentabilidade e ao reconhecimento da sua marca.

Por isso, podemos concluir que, assim como se trata de uma isca para cliques, é armadilha para quem pretende utilizar. Se procura por resultados excelentes, aumento do tráfego, melhor relacionamento com o cliente e melhoria nas vendas, é preciso agir com profissionalismo e consciência.

Conheça bem as necessidades dos seus clientes e alinhe as estratégias de inbound marketing, SEO e marketing de conteúdo, para que sua marca ganhe representatividade e seu blog obtenha resultados significativos na internet!

Por falar em inbound marketing, é sempre bom reforçarmos a necessidade de você fazer uma boa nutrição de leads usando a automação de marketing. Isso dá mais força para a sua marca e é uma das estratégias que tem o melhor retorno por investimento (ROI).

Agora que você já conhece as desvantagens de apostar no clickbait, quer saber como automatizar o inbound marketing na sua empresa? Então, entre em contato conosco e conheça a melhor ferramenta para as suas estratégias.

2019-02-22T09:29:46+00:00By |Estratégia|0 Comentários

Sobre o Autor:

Analista de Sistemas formado pelo ISES, especialista em E-mail Marketing e criação de templates para e-mail. Criador e mantenedor do blog sobre e-mail marketing (www.emailmarketing.eti.br).

Deixar Um Comentário

Atendimento online