4 benefícios do e-mail marketing em uma campanha de pré-venda

//4 benefícios do e-mail marketing em uma campanha de pré-venda

4 benefícios do e-mail marketing em uma campanha de pré-venda

O e-mail marketing é mais uma estratégia do marketing digital. Pode ser usado com a intenção de criar ou de fortalecer o relacionamento com o seu cliente, melhorando seus números de captação e retenção. Desde uma campanha de pré-venda até uma newsletter informativa, esse canal abrange vários formatos.

Cada envio precisa ser pensado de acordo com seu objetivo. É preciso entender em qual momento da jornada de compra encontra-se o seu consumidor e, dessa forma, enviar a comunicação mais adequada. Além disso, ele é de grande alcance e baixo custo proporcional.

O e-mail marketing é uma ferramenta poderosa e democrática que pode ser usada em qualquer etapa da sua estratégia. Neste artigo, falaremos dos benefícios de usá-lo em uma campanha de pré-venda, siga conosco!

Por que inserir uma campanha de pré-venda em meu funil de marketing?

Existem três partes no funil de vendas — topo, meio e fundo — e, consequentemente, cada etapa possui sua particularidade e necessita de uma comunicação adequada, com estratégias diferenciadas.

Um processo bem estruturado é capaz de gerar leads qualificados pelo marketing com grande potencial de conversão em um próximo passo. Uma campanha de pré-venda é eficiente para qualificar ainda mais os leads e encontrar clientes mais propensos a finalizar a compra efetivamente.

Além disso, você pode adquirir informações relevantes que podem ser trabalhadas em ações futuras. Quanto mais preparado e informado um lead chega ao fundo do funil, maiores são as chances de conversão.

Em resumo, uma campanha de pré-venda não está associada necessariamente à reserva de produtos. Porém, pode tratar-se da área que fará o contato com o cliente antes da equipe comercial, que tem o foco na finalização.

A campanha de pré-venda funciona como uma peneira de interessados. A ideia é aproveitar ao máximo os leads gerados pelo departamento de marketing por meio de qualificação — um meio termo entre a prospecção e a finalização de compra.

Essa etapa a mais no seu fluxo de comunicação torna seu funil mais produtivo e eficaz. O departamento comercial fica responsável por converter leads que precisam apenas de um empurrão para finalizar a compra, sem gastar tempo com quem ainda não está pronto.

Como criar uma campanha de pré-venda com e-mail marketing?

Você pode trabalhar uma campanha de pré-venda com o e-mail marketing tanto em casos de captação quanto de retenção. Na primeira opção, é possível despertar a curiosidade em troca do e-mail do usuário. Na segunda, com a criação de ofertas exclusivas para clientes fiéis.

Resultados de uma pesquisa da Adobe Email Survey, de 2016, mostram que e-mail marketing ainda é o canal favorito de contato com as marcas. 58% dos usuários do estudo têm preferência por receber promoções de produtos e serviços por e-mail a aplicativos ou mídias sociais.

Não restam dúvidas de que essa é uma ferramenta excelente para conversão. Por isso, não confunda e-mail marketing com SPAM. O primeiro é enviado apenas a quem se cadastrou para receber e, portanto, tem interesse no produto ou serviço. Além disso, é possível cancelar o recebimento a qualquer momento.

Quais são os benefícios do e-mail marketing em uma campanha de pré-venda?

Para ajudar você a incluir o e-mail marketing em uma campanha de pré-venda, citaremos 4 benefícios. Veja!

1. Cupons exclusivos e acesso prioritário

Seu cliente gosta de sentir-se especial. Uma ideia é oferecer um cupom de desconto para quem tem interesse em comprar antecipadamente. Você também pode disponibilizar a possibilidade de poder comprar antes do público em geral — essas são ações que dão a sensação de importância e exclusividade.

Esse apelo funciona bem para o fidelizar clientes que já compram com você. A estratégia pode variar de acordo com o seu produto, mas é importante que a ação fique restrita a um grupo selecionado ou perderá a credibilidade.

2. Informativos e newsletter

Ser assinante de seus envios deve ser vantajoso de alguma forma. Divulgar informações em primeira mão ou antecipar lançamentos para quem está em sua lista é uma forma de estimular o cadastro e o engajamento com seus envios. Além disso, também é possível criar empatia com a marca conforme seu lead sabe mais a repeito da sua empresa e de seus produtos.

No universo da vendas, existe uma técnica muito utilizada chamada rapport. Sua intenção é gerar empatia e sintonia usando algumas estratégias para iniciar uma conversa mais profunda sobre um determinado tema. Seu objetivo deve ser criar essa conexão inicial.

Pense em soluções para as dores da sua persona e mencione soluções para atrair sua atenção. Seu lead precisa identificar-se com sua empresa para finalizar a compra. Mostrar que você o compreende e, além disso, é autoridade no assunto, é um ótimo começo.

3. Campanhas especiais

Você pode criar seleções especiais e até mesmo exclusivas para seus leads e clientes. Realizar uma curadoria de seus produtos com base em diferentes listas de interesse é uma forma de demonstrar que se preocupa com a individualidade do assinante.

Além disso, quando um cliente recebe uma listagem de produtos relacionados ao seu padrão de compras e interesses pessoais, as chances de finalização da transação são maiores. Enquanto que receber produtos desinteressantes aumentam as chances de descadastro.

Em uma campanha de pré-venda, sua temática pode ser: “Olá, Fulano! Confira a seleção do que está para chegar no próximo mês”. Motivar seu consumidor e estimular seu interesse fará com que ele continue acompanhando seus envios.

4. Possibilidade de mensuração

O e-mail marketing possui um dos maiores ROI do marketing digital. Isso é garantido pelo seu baixo custo e grande alcance. Seguindo as boas práticas de envio e adotando uma estratégia coerente, é fácil obter um bom resultado nesse tipo de ação. Para isso, as métricas são importantes e fundamentais para entender o que está dando certo e o que precisa ser alterado.

Uma ferramenta de envio de e-mail marketing fornece relatórios com taxas de aberturas, cliques, descadastros, entre outros. Somente baseando-se em dados você poderá tomar decisões estratégicas importantes em relação aos seus envios, tais como:

  • melhor horário para lançamento dos e-mails;
  • frequência ideal de envio;
  • assuntos com maiores taxas de abertura;
  • produtos mais clicados;
  • CTAs mais eficazes;
  • ações que mais convertem.

Essas são apenas algumas informações. Plataformas como a @MediaPost podem fornecer ainda mais dados para seus relatórios, garantindo que a sua campanha de pré-venda com e-mail marketing seja uma estratégia eficaz. Lembrando que essa ferramenta é utilizada desde o princípio do marketing digital e seus benefícios são muitos, com prejuízos praticamente inexistentes.

Para encantar seus clientes ainda mais, acesse também o nosso post sobre como usar o storytelling no e-mail marketing! É só clicar no link.

2019-02-15T11:28:19+00:00By |Dicas e truques|0 Comentários

Sobre o Autor:

Analista de Sistemas formado pelo ISES, especialista em E-mail Marketing e criação de templates para e-mail. Criador e mantenedor do blog sobre e-mail marketing (www.emailmarketing.eti.br).

Deixar Um Comentário

Atendimento online