5 passos para melhorar suas campanhas de e-mail marketing

Se você quer melhorar as suas campanhas de e-mail marketing, mas não sabe muito bem como fazer isso, sugiro que leia esse post até o final.

Seria impossível resumir em um único post tudo que você pode fazer para conseguir o máximo de resultado com os seus envios, por isso escolhi 05 passos que já te darão um retorno rápido. São eles:

  1. Avalie os seus relatórios de envios anteriores
  2. Saiba como estruturar e utilizar bem as suas listas de contatos
  3. Deixe seu remetente em ponto de bala
  4. Pense e repense os seus assuntos
  5. Coloque amor no conteúdo das suas mensagens

Abaixo eu abordo cada um dos tópicos mais detalhadamente, confira só!

1. Avalie seus relatórios anteriores
Avalie seus relatórios anteriores

O primeiro passo para melhorar os seus resultados é entender os relatórios de pelo menos 04 (quatro) dos envios de e-mail marketing anteriores que você fez.

Avalie quais são as suas taxas de entrega, ou seja, quantos e-mails das suas listas estão sendo efetivamente entregues segundo os seus relatórios? Existem muitos e-mails sendo devolvidos? Se sim, qual o motivo dessa devolução?

A venda com e-mail marketing esta diretamente ligada a sua capacidade de entregar e-mails na caixa de entrada das pessoas. Se você tem muitos endereços de e-mail que não existem, então você não esta cuidando como deveria da origem dessas informações e isso faz de você um potencial Spammer. E-mail marketing Spam é entregue na pasta de lixo eletrônico, ponto.

E como andam as taxas de aberturas dos seus relatórios? E-mail que não é aberto ou não esta chegando onde deveria (no inbox) ou o assunto não esta funcionando. Só da pra melhorar se você entender o que esta fazendo de errado.

Depois de abertos, os seus e-mails recebem os desejados cliques? Se você cria a mensagem, mas esquece de colocar o botão de CTA (Call to Action), então é difícil alguém clicar no seu conteúdo, concorda?

E os descadastramentos (opt-out) estão crescendo de vento em popa? Muita gente pedindo para não receber mais as suas mensagens significa que você não esta agradando e é preciso rever a estratégia dos disparos de e-mail marketing.

Entender os seus relatórios anteriores analisando os resultados sob um ótica estratégica permitirá que você altere um cenário como esse:

resultados ruins aberturas e cliques email marketing

deixando-o assim:

otimos resultados aberturas e cliques email marketing

2. Saiba como estruturar e utilizar bem as suas listas de contatosSaiba como estruturar e utilizar bem as suas listas de contatos

Uma das regras de ouro para você ter sucesso com e-mail marketing é fazer seus envios segmentados, ou seja, disparando para quem realmente tem interesse no que você tem a oferecer.

Para segmentar você precisa conhecer o cliente das suas listas de contatos.

Confira algumas sugestões de segmentação para quem tem poucas informações na lista:

  1. Separe contatos que abriram suas últimas mensagens daqueles que nunca fizeram isso. Para os que nunca abriram nem mesmo um único e-mail seu, separe-os em grupos menores e adicione essas listas nas mensagens que você for enviar para aqueles que já abriram. O ideal é que você use do conceito 1 para 10. Ou seja, de todos os e-mails que forem receber as suas mensagens futuras, apenas 10% deles sejam esses que nunca abriram.

Exemplo: a cada 1.000 e-mails que você enviar, tenha nesse grupo apenas 100 endereços de pessoas que nunca abriram um e-mail seu. Isso aumenta as chances dessa mensagem ser entregue na caixa de entrada e assim você adquirir um contato engajado.

  1. Crie grupos de interesse por tipos de produtos ou serviços que você oferece nas suas mensagens e separe os contatos que clicaram nesses links, colocando essas pessoas em listas de contatos de pessoas que tenham os mesmos interesses que elas. Assim nas mensagens futuras você poderá enviar o seu e-mail marketing para os grupos de pessoas que estejam nas mesmas listas, ou seja, que possuam interesses parecidos.

A ideia é sempre fazer a aplicação de algum tipo de filtro na sua mensagem, algo que contextualize e faça sentido para aquelas pessoas que vão receber a sua mensagem.

3. Remetente com domínio próprio e autenticadoRemetente com domínio próprio e autenticado

Muitas pessoas já entendem a necessidade de possuir um endereço de e-mail com domínio próprio e que possua todas as configurações de boas práticas de e-mail marketing (SPF e DKIM).

Caso você ainda tenha dúvidas sobre o assunto, segue uma explicação simples:

  • E-mail com domínio público = você@gmail.com; você@hotmail.com; você@uol.com.br; você@yahoo.com; você@terra.com.br; entre outros.
  • Endereço de e-mail com domínio privado = você@mediapost.com.br; você@nomedasuaempresa.com.br; entre outros.

Caso você esteja utilizando um domínio privado e esteja com baixa entregabilidade, talvez você não tenha realizado a autenticação do seu domínio, para isso, é necessário fazer as configurações de SPF e DKIM. Ao fazer essas configurações, seus resultados de entrega na caixa de entrada poderão melhorar consideravelmente.

4. Pense e repense os seus assuntosPense e repense os seus assuntos

Os assuntos são as vitrines dos seus e-mails, portanto pense e repense a sua estratégia para garantir uma boa taxa de abertura.

Seguem algumas dicas de como compor os seus assuntos:

  1. Não perca o tempo do seu contato: envie assuntos que contenham entre 25 e 40 caracteres ou com um total de 05 a 08 palavras.
  2. Crie um senso de urgência: “é hoje o último dia!”. Se existe prazo, tente utilizá-lo no assunto, isso pode levar a pessoa que recebeu a priorizar a sua mensagem entre as outras.
  3. Fale a verdade no assunto: “Você ganhou um rastreador!”. Ao abrir à mensagem a pessoa descobre que na verdade se ela comprar um serviço X o rastreador será oferecido como brinde. Cuidado com isso, pois gerar uma expectativa e depois vinculá-la a uma condição pode desapontar o consumidor.
  4. Experimente perguntar: “Nos vemos no sábado?” foi o assunto utilizado por uma empresa organizadora de eventos em São Paulo. De certa forma, gera uma necessidade de resposta, não?

Teste, escreve, reescreva, enfim, dedique-se um pouco que o resultado justificará esse seu esforço.

5. Conteúdo relevante e Call to Action Conteúdo relevante e Call to Action

Sua mensagem deve ser direta e objetiva. Evite falar sobre variados temas no mesmo e-mail!

Lembre-se, o e-mail é uma forma de você transmitir uma mensagem, portanto, lê-lo como se você fosse o seu contato faz toda a diferença. O conteúdo deve ser relevante para quem recebe.

Pergunte-se sempre, a mensagem que eu quero passar esta sendo transmitida? Se a resposta for sim, então você esta no caminho certo.

Passada a mensagem, agora é hora de focar no meu objetivo. O que eu quero de resultado com esse e-mail? Que as pessoas apenas leiam seu conteúdo ou que elas cliquem em algum link nos meus botões de Call to Action? Os fins devem justificar os meios.

Foque sua atenção nesses dois pilares e com certeza os resultados virão:

  1. Passar a mensagem certa;
  2. Alcançar o objetivo planejado.

Apostando nessas sugestões, você conseguirá melhorar seus resultados!

Quer ainda mais dicas? Acesse nossa página: Como melhorar meus resultados e confira mais informações para melhorar seus resultados.

E aí, gostou? Então deixe seu comentário abaixo, por favor!

Avalie este artigo:
5 passos para melhorar suas campanhas de e-mail marketing
4.33 (86.67%) 3 votos

ATUALIZAÇÕES GRÁTIS

Cadastre-se abaixo para receber no seu e-mail artigos legais como este!

Gostou? Compartilhe:

2 Comentários

  1. Adeildo Moises da Silva disse:

    Até agora, foi o melhor conteúdo sobre email marketing que já encontrei,mas,preciso saber, como conseguir/capturar emails, e enviar minha mensagem para tais endereços. Como consigo tais emails?

    • Olá Adelino.

      Para conseguir os seus endereços de e-mail você precisa criar ambientes de cadastro na internet. Isso pode ser feitos em todos os canais que você utiliza para falar com o seu potencial consumidor/cliente. Mas lembre-se, é importante que você ofereça algo em troca dessa informação. Caso você possua um site institucional, pense em estratégias que atraiam a atenção do seu contato, com conteúdos verdadeiros e que tenham valor para quem irá consumi-los. Tutoriais ensinando as pessoas a como fazer algo sempre ajudam. Um exemplo é esse feito pela @MediaPost que ajuda as pessoas a como conseguirem aumentar suas listas de contato pela internet: https://www.mediapost.com.br/como-captar-novos-contatos#.V1VzILgrJpg. Agora se você tem o seu próprio e-commerce, então esses dados podem ser coletados após cada compra ou tentativa de compra. Mas lembre-se, é fundamental que em todos os locais onde você solicitar os dados das pessoas você informe claramente o que será feito com essas informações, por exemplo, “Enviaremos atualizações, novidades e ofertas”. A isso se dá o nome de opt-in, ou autorização para receber informações. Esse tipo de crescimento “orgânico” de base de contatos, apesar de mais demorado, traz um retorno muito maior do que a compra de endereços de e-mails de pessoas que não te conhecem e não solicitaram receber o seu contatos. Participar de feiras e eventos do seu segmento e captar essas informações também ajudam a acelerar esse aumento de endereços de e-mail na sua lista. Sugiro que você confira o nosso E-book pois lá você encontrará muitas outras dicas de como captar novos contatos. Um abraço e se precisar é só escrever! =D

Deixe seu comentário!