Relatório de e-mail marketing: aprenda a tomar decisões estratégicas

O e-mail marketing é uma das estratégias mais antigas de marketing, mas ainda é uma das mais eficientes. Afinal, quem hoje não tem pelo menos um e-mail cadastrado?

Segundo uma pesquisa da Radicati, em 2015 havia 2,6 bilhões de usuários cadastrados! É um número impressionante. Diante disso, surge uma grande oportunidade para embasar suas decisões nos negócios: o relatório de e-mail marketing.

Ele é uma fonte segura que carrega dados importantes para o seu empreendimento. Por isso, no post de hoje vamos mostrar como tomar decisões estratégicas com base nesses relatórios. Acompanhe!

Por que utilizar o relatório de e-mail marketing?

O e-mail marketing é uma técnica utilizada para, entre outros efeitos, manter um bom relacionamento com sua lista de contatos, apresentar as novidades da marca, oferecer promoções exclusivas e atrair novos consumidores.

Porém, assim como toda estratégia, essa deve ter o seu desempenho monitorado, a fim de identificar aquilo que apresentou os melhores resultados e o que deve ser alterado. Nesse sentido, o relatório de e-mail marketing se apresenta como um banco de dados com informações valiosas, que podem fazer toda a diferença nas suas vendas e na lucratividade do seu negócio.

Como interpretar o relatório?

Por trás de um relatório de e-mail marketing há diversas informações e diferentes formas de interpretá-las. A seguir, vamos identificar os principais pontos que devem ser analisados.

Taxa de abertura

Encontrar o percentual de contatos que abre as suas mensagens é muito importante para conseguir os efeitos desejados. Para isso, dois pontos são fundamentais: o nome do remetente e o assunto da mensagem. Esses dois elementos serão rapidamente avaliados pelo contato, que decidirá se abre ou não o e-mail.

Certifique-se de criar um assunto que desperte o interesse e a curiosidade do leitor e envie a mensagem com um nome que tenha credibilidade.

Número de descadastro

Naturalmente, a sua lista de e-mails perde um número significativo de contatos a cada ano. Segundo um relatório da HubSpot, o número de contatos decresce 22,5% por ano, por motivos naturais, como a inatividade da conta de e-mail, troca do endereço eletrônico ou simplesmente pela perda do interesse na solução apresentada pela sua empresa.

Portanto, você já deve prever esse valor no seu balanço, porém, o descadastro é algo com que você deve se preocupar. Essa ação pode ocorrer pelo envio de mensagens de forma não autorizada pelo usuário, envio de spams ou incômodo pela frequência ou conteúdo das mensagens.

Avalie o relatório de descadastro, busque os principais motivos e trace ações para reduzir esse número.

Cliques

O relatório de cliques é outro ponto importante para analisar as suas estratégias. Você pode fazer diferentes testes e avaliar o comportamento do seu público-alvo.

Por exemplo, use assuntos diferentes para um mesmo e-mail e veja se há uma relação entre o número de cliques. Tente encontrar um padrão no comportamento do usuário para embasar as suas decisões futuras.

Taxa de conversão

Cada e-mail deve ter uma ação esperada, seja realizar uma venda, acessar o site para conferir uma oferta etc. Então, você deve acompanhar como está o desempenho dessa ação, verificando se os contatos estão seguindo as indicações.

Encontrando a taxa de conversão você começa a ter uma estimativa dos resultados que serão gerados nas campanhas de e-mail marketing, além de buscar formas de otimização.

Como embasar as decisões estratégicas?

Como vimos em nosso artigo, o relatório de e-mail marketing é uma excelente ferramenta para servir de base para as suas tomadas de decisão.

Com todas as informações acessíveis, você não terá atitudes embasadas em crenças ou achismos. Assim, os resultados se tornarão mais sólidos e o sucesso do seu negócio estará mais próximo.

Agora que você já sabe a importância de embasar suas decisões no relatório de e-mail marketing, baixe o nosso e-book e aprenda como melhorar a taxa de abertura das mensagens.

Avalie este artigo:
Relatório de e-mail marketing: aprenda a tomar decisões estratégicas
5 (100%) 1 voto

ATUALIZAÇÕES GRÁTIS

Cadastre-se abaixo para receber no seu e-mail artigos legais como este!

Gostou? Compartilhe:

2 Comentários

  1. Edmar Junior disse:

    Na parte do texto que trata sobre taxa de abertura, onde está escrito “nome do destinatário”, o correto seria “nome do remetente”?

Deixe seu comentário!

Atendimento online